NOTÍCIAS

Postado em 07 de Novembro de 2017 às 10h41

Brasil obtém aprovação para exportar leite e produtos lácteos para o Japão

Notícias (45)
  • Mercoagro – Edição 2018 -

A Secretaria de Relações Internacionais do Ministério da Agricultura, Pecuária e
Abastecimento (Mapa), recebeu, no dia 1º de novembro, comunicado da abertura do mercado
japonês para o leite e produtos lácteos do Brasil. A negociação demorou dois anos até
a aprovação do Certificado Sanitário Internacional. Pelo certificado poderão ser exportados os
produtos das áreas livres da febre aftosa com e sem vacinação. A confirmação foi oficializada pelo
adido agrícola da embaixada do Brasil em Tóquio, Marcelo Mota.
O Japão é o sétimo maior importador mundial de lácteos. Em 2016, o país asiático importou
cerca de 62 mil toneladas de soro de leite em pó, 13 mil toneladas de manteiga, 258 mil toneladas
de queijos e 201,5 mil toneladas de outros produtos lácteos (leite em pó desnatado, caseína,
caseinatos, lactose, entre outros). Em 2016, o mercado japonês importou cerca de US$ 1,2 bilhão
de produtos lácteos.
Segundo o secretário de Relações Internacionais do Mapa, Odilson Ribeiro e Silva, “para o
setor de lácteos, que está iniciando sua entrada no mercado internacional, o Japão é um cliente
muito importante pelo grande potencial de consumo e pelo grau de exigência que tem,
demonstrando a capacidade do Brasil de atender estas exigências”.

Fonte: MAPA

Veja também

Sensor ajuda a evitar mortes acidentais de leitões por matriz23/10/17 De acordo com estimativas da indústria suína, mais de 116 milhões de leitões recém-nascidos foram mortos acidentalmente por suas mães em 2016, resultando em bilhões de dólares perdidos. Assim, com apoio da Universidade de Iowa, uma empresa americana desenvolveu um sistema inovador que utiliza da tecnologia de um sensor para ajudar a diminuir o índice de......
Globoaves tem plano de recuperação homologado, prevê venda de ativos15/02 O plano de recuperação judicial do Grupo Globoaves foi homologado por juíza da 3ª Vara Cível da Comarca de Cascavel (PR) na sexta-feira (09) e prevê a venda de ativos para o pagamento de credores, segundo......
Safra catarinense de milho terá redução de 20,4%16/02 Nova estimativa prevê redução de 20,4% na safra catarinense de milho grão. A combinação de estiagem e redução da área plantada trará uma queda na produção e a colheita deve......

Voltar para Notícias (pt)