NOTÍCIAS

Postado em 18 de Abril às 10h11

Brasil vai iniciar exportação de carne para Indonésia e Coreia do Sul

  • Mercoagro – Edição 2018 -

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, informou nesta terça-
feira (17) que estão em fase final as negociações para início das exportações de carne bovina para a Indonésia.
Uma missão técnica do país chegou segunda-feira (16) ao Brasil e deverá visitar frigoríficos
em diversos estados. Em seguida, serão acertados detalhes do Certificado Sanitário Internacional (CSI) que viabiliza os embarques do produto.
A Coreia do Sul também foi anunciada pelo ministro como outro novo mercado que se
abrirá para o Brasil nos próximos dias. Os coreanos vão iniciar a importação da carne suína
brasileira, fornecida pelo estado de Santa Catarina, por ser área livre da febre aftosa sem
vacinação. As tratativas estão em fase de conclusão.
CHINA E RÚSSIA
Ainda de acordo com o ministro, em maio está prevista a vinda da "tão esperada missão da China", para tratar da ampliação do número de plantas frigoríficas autorizadas a embarcar todos os tipos de carne (bovina, suínas e aves).
Também está em fase final a negociação para a reabertura do mercado da Rússia à carne
suína brasileira. Blairo Maggi já enviou carta às autoridades sanitárias do país informando as medidas sanitárias adotadas pelo Brasil. As exportações para a Rússia foram suspensas em dezembro de 2017, sob a alegação de presença de ractopamina em cortes suínos. Uma reunião entre autoridades russas e brasileiras, para discutir o assunto, está marcada para o próximo dia 24 de abril.

Fonte: Agência Brasil

Veja também

Estudo apresenta estratégias para melhorar logística no Brasil24/11/17 A logística ainda é um desafio para o agronegócio brasileiro. Traçar estratégias para melhorar o escoamento do país e aumentar a competitividade é o que lideranças têm feito. Mas, para isso, é preciso que seja estudado como está a situação do País, para que as escolhas corretas sejam tomadas. A soja e o milho,......
Santa Catarina discute alternativas para abastecimento de milho22/02 Maior comprador de milho do país, Santa Catarina pensa em alternativas para abastecer o setor produtivo de carnes do estado. Com uma safra prevista em 2,4 milhões de toneladas de milho e um consumo de seis milhões de toneladas por ano, o......

Voltar para Notícias (pt)