NOTÍCIAS

Postado em 12 de Setembro de 2016 às 11h42

Chapecó: centro mundial da indústria da carne

JOSIAS ANTÔNIO MASCARELLO

Presidente da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC)

A Associação Comercial e Industrial de Chapecó, aliada aos seus grandes e leais parceiros, entrega à comunidade econômica nesta semana a 11ª edição da MERCOAGRO – Feira Internacional de Negócios, Processamento e Industrialização da Carne. A Mercoagro representa uma trajetória de sucesso e de cooperação ao desenvolvimento do vasto setor das indústrias de processamento de alimentos cárneos do Brasil e do exterior. 

Em um ano em que a crise econômica assola vastas áreas da atividade, a MERCOAGRO 2016 apresenta-se como vitalidade ímpar, não apenas porque todos os espaços se esgotaram, mas, essencialmente, porque esse evento traduz a ação, o dinamismo e o arrojo de uma das maiores e mais complexas cadeias produtivas da economia brasileira com a presença dos principais atores do mercado. Nossos empresários e empreendedores compreenderam que as crises são neutralizadas com trabalho, pesquisa, investimentos, prospecção de mercado, mudanças de estratégias e revisão de táticas. Não é hora de se encolher e esperar, mas de ser proativo e vanguardista. 

Muitos fatores explicam o sucesso da feira, mas, indubitavelmente, deve-se a sua localização, no centro de uma região com mais de 600 pequenas, médias e grandes indústrias frigoríficas de abate e processamento de aves, suínos e bovinos. Nessa área frutifica uma malha de indústrias de bens de produção, que oferecem 100% das máquinas e equipamentos necessários para construção e instalação de unidades frigoríficas.

São notáveis os esforços que, desde sua primeira edição, Chapecó vem realizando para melhorar a infraestrutura e acolher a crescente clientela do país e do exterior. O volume de negócios efetivamente fechados tem sido o maior, o mais valorizado e mais eloqüente indicador do sucesso da MERCOAGRO. A certeza de bons negócios permitiu superar algumas deficiências infraestruturais, vencer o tempo e a distância e reunir, num mesmo espaço físico, fornecedores e compradores dos cinco continentes. Uma formidável sinergia entre os setores público e privado possibilitou notabilizar no Brasil e no exterior a MERCOAGRO como uma das melhores oportunidades de incremento dos negócios. 

A expo-feira notabilizou-se mundialmente e atrai fabricantes e fornecedores de máquinas, equipamentos, implementos e insumos para as indústrias frigoríficas. As empresas expositoras compõem o maior e mais completo conjunto de insumos para o processamento industrial de carnes: máquinas, equipamentos, embaladoras, condimentos, correias, gases industriais, sistemas de tratamento de efluentes, estufas e equipamentos para congelamento e refrigeração, tripas, filtros, corantes, aromatizantes, impermeabilizantes, utensílios, entre centenas de outros itens.

O compromisso com a integração econômica e a difusão do conhecimento científico que presidiram a primeira edição continua sendo prioridade. Por isso, simultaneamente ao fomento dos negócios, a Mercoagro atua como importante instrumento de integração e difusão tecnológica através dos eventos paralelos, como o Seminário Internacional de Industrialização da Carne, a Clínica Tecnológica, o Laboratório Experimental, o salão de inovação, a sessão de negócios, o painel de oportunidades e o Mercoshow, entre outros. É por essas razões que Chapecó, com a Mercoagro, torna-se o centro das inovações tecnológicas e conceituais da indústria mundial de carne. 

Veja também

Santa Catarina continua na liderança no abate de suínos no país27/06/16 Entre os estados brasileiros, Santa Catarina continua liderando o abate de suínos no primeiro trimestre do ano. O crescimento em relação a 2015 foi de 6,6% e houve aumento de 74,5% no volume exportado, mantendo-se como principal exportador de carne suína do País. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira, dia 16, pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e......
Minerva continua atenta a oportunidades para crescer na América do Sul06/03 A Minerva Foods continua atenta às oportunidades de expansão dos seus negócios na América do Sul para além dos países em que já possui unidades produtivas, disseram executivos da empresa na quarta-feira (22)......

Voltar para Notícias (pt)