NOTÍCIAS

Postado em 15 de Abril de 2016 às 14h15

Exportação de carne bovina em março cresce 7,8% em faturamento e 21,4% em volume

Resultados se referem ao comparativo com o mesmo mês de 2015; Brasil fecha primeiro trimestre de 2016 com mais de 367 mil toneladas exportadas, um aumento de 15,94% em relação aos três primeiros meses do ano passado

A indústria de carne bovina brasileira registrou em março deste ano um faturamento de US$ 518 milhões, com o embarque de mais de 140 mil toneladas, um crescimento de 5,5% e 10,3%, respectivamente, em relação ao mês anterior. Os números de março – os maiores registrados ao longo de 2016 – também apontam crescimento de 7,8% em faturamento e 21,4% no volume exportado, em relação ao mesmo mês de 2015.

Entre os dez principais países importadores da carne bovina brasileira, destacam-se o Egito, China e o mercado recém conquistado da Arábia Saudita. Para o Egito, em março foram exportadas mais de 23 mil toneladas de carne bovina, um crescimento de 126,8% ante ao mesmo período do ano passado. A China que, está em quarto lugar no ranking, comprou o equivalente a quase US$62 milhões, pouco mais de 15 mil toneladas de carne brasileira. Já a Arábia Saudita, no seu mês de retomada, entra na nona colocação, com pouco mais de 3 mil toneladas, gerando um faturamento de US$ 11 milhões.

ABIEC-TAB-EXPO-ABR

O Brasil fechou o primeiro trimestre de 2016 com mais de 367 mil toneladas de carne bovina exportada – 15,94% a mais do que o registrado no mesmo período do ano passado. Somado, o faturamento nos três primeiros meses deste ano, de US$ 1,384 bilhão, supera ligeiramente o valor atingido no primeiro trimestre de 2015, de US$ 1,367 bilhão.

ABIEC-TAB-EXPO-ABRa

De acordo com o presidente da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (ABIEC), Antônio Jorge Camardelli, os resultados das exportações no primeiro trimestre confirmam a expectativa para 2016 de um faturamento próximo a US$ 7,5 bilhões e volume de cerca de 1,76 milhão de toneladas.

Categorias

No comparativo com fevereiro deste ano, todas as categorias apresentaram em março um incremento em toneladas, com destaque para a carne in natura. A categoria, a mais exportada pelo setor, atingiu em março um faturamento de mais de US$ 411 milhões e mais de 110 mil toneladas em exportações, um crescimento percentual de 5,78% e 11,54%, respectivamente, ante o mês anterior. Vale ressaltar também os resultados em março da categoria de tripas, que aumentou 20,3% em faturamento e 16,5% em volume, em relação ao mês anterior.

ABIEC-TAB-EXPO-ABRb

Sobre a ABIEC – www.abiec.com.br

Fonte: Portal do Agronegócio

Veja também

México amplia importação de frango e visita novos frigoríficos30/08/18 O Brasil deverá ampliar a  exportação de carne de frango  e seus subprodutos para o México. Está no país uma missão de nove veterinários daquele país, para auditoria em 25 plantas frigoríficas com inspeção federal, segundo informações do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal......

Voltar para Notícias (pt)