NOTÍCIAS

Postado em 27 de Maio de 2016 às 09h46

Jonhis apresentará termógrafos para o mercado da carne

A Jonhis Instrumentos de Medição LTDA, desde a sua fundação em 1976, dedica-se à fabricação e comercialização de instrumentos de medição com rigoroso controle de qualidade, além da alta tecnologia empregada. 

Na Mercoagro 2016, a empresa apresentará os Registradores de Temperatura Descartáveis (Termógrafos). A Jonhis se orgulha em ser o único fabricante de termógrafos fora dos Estados Unidos. O produto foi criado para solucionar o acompanhamento das variações de temperatura no transporte de cargas perecíveis ou sensíveis ao calor.

Também comercializará termômetros digitais, termógrafos descartáveis, termostatos, controladores de temperatura e indicadores de temperatura, entre outros. A empresa é reconhecida em toda América Latina, pois exporta produtos para países como Paraguai, Argentina e Uruguai.

É a segunda vez que a organização participa da feira. “É fundamental para qualquer empresa expandir e crescer no mercado. Integrar esses grandes eventos como a Mercoagro significa ir além de expor nossos produtos e também conhecer a concorrência, acompanhar as novidades e tendências do setor, além de ampliar nossa rede de contatos”, afirma o gerente comercial, Fábio Araujo.

MERCOAGRO


A feira é organizada pela Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) e será realizada de 13 a 16 de setembro no Parque de Exposições Tancredo Neves, em Chapecó (SC). O horário de visitação será das 14 às 21 horas. A Mercoagro (Feira Internacional de Negócios, Processamento e Industrialização da Carne) conta com o apoio institucional do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), da Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo) e do Centro de Tecnologia de Carnes do ITAL, entre outras instituições. 

Veja também

Demanda firme mantém preços da carne de frango em alta23/10/17 De acordo com a análise semanal do Cepea, o preço do produto avícola se manteve em alta neste último quadrimestre de 2017. As firmes demandas interna e externa por carne de frango, os embarques em alta e os baixos estoques dessa proteína contribuíram para a elevação dos preços. De acordo com os dados, especificamente de 12 a 19 de outubro, os......
ABPA apoia estudos de consulta na OMC sobre dumping chinês13/07 A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) apoia a realização de estudos sobre eventuais consultas no âmbito da Organização Mundial do Comércio (OMC) para tratar da decisão do......

Voltar para Notícias (pt)