NOTÍCIAS

Postado em 14 de Agosto de 2018 às 11h27

Mapa vai criar normas para certificação de propriedades livres de Scrapie

  • Mercoagro – Edição 2018 -

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) publicou nesta quinta-feira (09), no Diário Oficial da União, a portaria 79, que abre consulta pública por 30 dias à elaboração das normas para Certificação de Estabelecimento de Criação Livre de Scrapie (doença de origem nervosa, que afeta ovinos e caprinos).
A normatização visa atender aos criadores interessados em exportar esses animais, de acordo com informações da Divisão de Sanidade de Ruminantes do Mapa. O pleito foi apresentado em reuniões da Câmara Setorial de Caprinos e Ovinos. A norma foi elaborada em conjunto com grupo de trabalho do Mapa para tratar de doenças de ovinos e caprinos, contando com colaboradores do setor privado e de universidades.
Para que a propriedade obtenha o certificado de estabelecimento de criação livre de Scrapie deve cumprir, pelo período mínimo de sete anos, requisitos, como por exemplo: possuir supervisão técnica de médico veterinário; utilizar sistema de identificação individual permanente de caprinos e ovinos, aprovado pelo Serviço Veterinário Oficial (SVO), que permita a rastreabilidade dos animais desde o nascimento; dispor de procedimentos e de controle de biosseguridade, de forma a garantir que os caprinos e ovinos não entrem em contato direto ou indireto com animais de condição sanitária inferior.
A certificação será opcional, representando mais uma alternativa de inserção do produto
brasileiro em novos mercados.
A doença não é frequente no Brasil e a prevalência (número de casos) é baixa, pois o registro mais recente ocorreu em 2016, nos estados de Mato Grosso e no Rio de Janeiro.
Atualmente, conforme os dados mais recentes do IBGE (2015), o rebanho ovino brasileiro soma 18.410.551 animais e, o caprino, 9.614.722 cabeças.

Fonte: MAPA

Veja também

Marfrig vende Keystone para Tyson Foods por US$ 2,4 bilhões21/08/18 A Marfrig Global Foods fechou a venda de sua subsidiária de food service internacional Keystone à norte-americana Tyson Foods por US$ 2,4 bilhões, informou a empresa na segunda-feira (20). A transação exclui uma fábrica de hambúrguer localizada em North Baltimore, Ohio, com capacidade de produção de 91 mil toneladas de produtos processados e......
Foodmate anuncia construção de nova fábrica na Holanda30/11/17 A Foodmate anunciou a construção de uma nova fábrica e escritórios em Numansdorp, na Holanda. Desta forma a empresa continua seu projeto de crescimento e de melhor atendimento aos seus clientes. A fábrica está......
ESTE ANO TEM MERCOAGRO EM CHAPECÓ11/01/16 Um dos principais eventos técnicos do Brasil, a Feira Internacional de Negócios, Processamento e Industrialização da Carne (MERCOAGRO), acontecerá de 13 a 16 de setembro no Parque de Exposições Tancredo Neves,......

Voltar para Notícias (pt)