NOTÍCIAS

Postado em 12 de Fevereiro de 2016 às 14h11

Mercoagro 2016 apresentará novas tecnologias para processamento de aves

Pela terceira vez, a Prime Equipment participará da Mercoagro. “Estamos confiantes com esta edição da feira para alavancar nossos negócios”, afirma o gerente de Vendas, Sergio Pereira. A Prime quer apresentar as novas tecnologias para processamento de aves. Empresa dos Estados Unidos com franquia em Chapecó, é fabricante de equipamentos para processamento de aves, que conquistou ao longo de mais de duas décadas a confiança da indústria por fornecer soluções inovadoras e confiáveis no processamento de aves.

A Prime Equipment Group desenvolve e fabrica máquinas únicas, bem como sistemas e equipamentos customizados e também equipamentos de marcas parceiras para indústrias de todo o mundo. Os membros da equipe também oferecem assistência de engenharia, suporte de campo e uma seleção de qualidade de peças de reposição para várias indústrias em mais de 15 países.

O principal produto da empresa para o mercado da carne são as linhas de corte e desossa, sistema de escaldagem e depenagem, e acessórios em geral para processamento de aves. “A feira Mercoagro é de grande importância para nos conquistarmos novos clientes, receber a visitas das empresas que já são nossas clientes, também apresentar lançamentos para o mercado de máquinas e serviços”, afirma o gerente.

MERCOAGRO 2016

A Feira Internacional de Negócios, Processamento e Industrialização da Carne (MERCOAGRO) está programada para o período de 13 a 16 de setembro de 2016, no parque de exposições da Efapi, em Chapecó. A feira é organizada pela Associação Comercial e Industrial (ACIC) e tem apoio da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

A MERCOAGRO é uma das maiores feiras da indústria da carne no mundo, oferecendo 6.000 metros quadrados de área locável bruta (de um total de 15.000 metros quadrados de área coberta) com toda a infraestrutura necessária para as empresas do dinâmico universo da indústria da carne que envolve, entre outros, os setores de congelamento, refrigeração, automação industrial, ingredientes e aditivos, embalagens, transporte e armazenagem, equipamentos e acessórios, entre outros produtos e serviços.

O diretor de feiras ACIC, Bento Zanoni, analisa que as vendas crescentes decorrem de dois fatores: o prestígio da feira e o bom momento do mercado internacional de carnes. Destacou que a feira notabilizou-se pelo elevado número de transações que oportuniza a cada edição, compensando os investimentos dos expositores, em sua maioria, fabricantes e fornecedores de milhares de itens que formam o conjunto de insumos para o funcionamento das indústrias frigoríficas.

O presidente da ACIC Josias Mascarello informou que a adesão das empresas à 11ª edição é muito boa em face da tradição de eficiência e seriedade demonstradas em 22 anos e dez edições bienais consecutivas.
 

Veja também

Embarques de carne de frango no mês já superam junho19/07/18 O Brasil exportou nos primeiros dez dias úteis de julho um montante de US$ 339,7 milhões em carne de frango in natura. Em todo o mês passado, a remessa dessa proteína havia somado US$ 329,6 milhões. O avanço no atual mês é de 116,4% em relação ao mês passado, em termos de média diária de exportação. Até a......
Exportações de carne suína tem forte expansão na semana10/07/18 As exportações brasileiras de carne suína in natura registraram forte crescimento na primeira semana de julho, segundo dados da balança comercial semanal, divulgada pelo Ministério da Indústria, Comércio......

Voltar para Notícias (pt)