NOTÍCIAS

Postado em 06 de Março de 2017 às 15h30

Minerva continua atenta a oportunidades para crescer na América do Sul

Mercoagro – Edição 2018 A Minerva Foods continua atenta às oportunidades de expansão dos seus negócios na América do Sul para além dos países em que já possui unidades produtivas, disseram...

A Minerva Foods continua atenta às oportunidades de expansão dos seus negócios na América do Sul para além dos países em que já possui unidades produtivas, disseram executivos da empresa na quarta-feira (22) durante teleconferência de resultados com analistas.
“Parte da nossa estratégia é a diversificação geográfica, não só por meio de aquisições mas também arrendamento”, disse o presidente da empresa Fernando Galletti de Queiroz a analistas.
Em janeiro, a empresa cancelou a compra do frigorífico Frisa alegando que os vendedores não cumpriram com todas as condições precedentes para que o acordo pudesse ser fechado.
O executivo disse que a empresa está atenta às oportunidades na Colômbia e Argentina que não necessariamente implicam em aquisições.
Ele reafirmou que a Minerva tem a estratégia de estar focada na América do Sul no segmento de bovinos. Além do Brasil, a Minerva também tem operações no Uruguai e no Paraguai.
Queiroz disse que a carne bovina produzida na América do Sul é competitivia no mercado global de commodities devido aos baixos custos de produção.
Para 2017, a Minerva espera recuperação no ciclo de bovinos colaborando para melhora no preço da carne.
Apesar de um cenário de crise econômica no Brasil em 2016, a Minerva conseguiu elevar as vendas domésticas da Divisão Carne em 10% no ano passado, para R$ 2,7 bilhões, o que foi atribuído à estratégia de expansão de pontos de venda da empresa. A Minerva Foods revertou o prejuízo registrado em 2015 e teve um lucro líquido de R$ 195 milhões em 2016.

Fonte: Carnetec 

    Veja também

    Exportações de carne de frango totalizam 463,1 mil toneladas em julho02/08/18 As exportações brasileiras de carne de frango (considerando todos os produtos, entre in natura e processados) alcançaram 463,1 mil toneladas em julho, informa a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).  O número, 20,6% superior às 384 mil toneladas exportadas no sétimo mês de 2017, é o maior fluxo mensal de......
    Os desafios nutricionais dos sistemas alternativos de produção05/06/18 Por Javer Alves Vieira Filho, especialista em Nutrição de Aves da Vaccinar – Nutrição e Saúde Animal  É crescente a demanda do mercado consumidor por produtos que atendam aos......
    Plasmetal vai expor formadoras de caixas blizz e paletizadores12/09/16 A Plasmetal Tecnologia Industrial LTDA é uma empresa que se destaca pelo potencial em oferecer tecnologia de ponta, qualidade adquirida em seus produtos e confiabilidade em seus serviços. A empresa procura sempre desenvolver novas......

    Voltar para Notícias (pt)