NOTÍCIAS

Postado em 14 de Setembro às 15h39

Missão do Paraguai apresenta oportunidades de Naranjal em Chapecó

  • Mercoagro – Edição 2018 -
  • Mercoagro – Edição 2018 -
  • Mercoagro – Edição 2018 -
  • Mercoagro – Edição 2018 -

Reunião ocorreu paralelo à Mercoagro 2018 e reuniu lideranças empresariais e autoridades locais

O prefeito de Naranjal (Paraguai) Edoard Schaffrath e representantes da Cooperativa Agropecuária COPRONAR participaram nesta sexta-feira (14) de uma reunião que ocorreu paralelamente à 12ª edição da Mercoagro (Feira Internacional de Negócios, Processamento e Industrialização da Carne). O encontro, organizado pela Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) e SEBRAE/SC, reuniu lideranças empresarias e contou com a presença do prefeito de Chapecó e presidente do Bloco Regional de Intendentes, Prefeitos, Alcaldes e Empresários do Mercosul (Bripaem), Luciano Buligon.

Durante o evento foram apresentadas as oportunidades de negócios do município de Naranjal, fundado há 28 anos e que está em franco desenvolvimento. Segundo Edoard Schaffrath, empresas, indústrias e pessoas estão encontrando nova forma de investir, trabalhar e buscar o desenvolvimento conectados às oportunidades, resultados e qualidade de vida. Naranjal fica no alto Paraná, há 83 km de Cidade Del Leste e há pouco mais de 100 km da fronteira com o Brasil. A região está se tonando novo polo de desenvolvimento da América do Sul e a população, formada por pouco mais de 10 mil habitantes, já colhe os resultados de sua localização estratégica.

A cidade está localizada no epicentro de uma das novas ordens econômicas mundiais – a ligação do Atlântico ao Pacífico – um grande corredor logístico que nasceu para proporcionar oportunidades para a indústria, empresas e a economia latino-americana. Os imigrantes estão cada vez mais presentes na região e o município tem potencial para ser o centro do novo polo econômico. Em um raio de 100 km, a cidade conta com três aeroportos internacionais, além de escolas bilíngues, hospitais de última geração, shopping, boa segurança pública, entre outros aspectos, que destacam-se na região.

“Observamos que temos afinidade grande com Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. “A questão cultural é um aspecto presente, já que muitas pessoas dos três Estados do Sul moram lá. Estamos com grande potencial de crescimento, pois temos infraestrutura adequada e vários segmentos em expansão. Nossa agricultura é forte! Estamos na vanguarda do mundo com relação ao que há de mais moderno no setor”, salientou Schaffrath ao propor que Naranjal e Chapecó tornem-se cidades irmãs. Também sugeriu que a Rota do Milho seja chamada de “Rota da Integração” em razão das novas parcerias que surgirão a partir de agora.

Ao confirmar a irmandade, o prefeito Buligon passou seu boton ao dirigente de Naranjal, destacando que a data para a assinatura do convênio que formaliza as cidades como irmãs será realizada juntamente ao ato de lançamento da Rota do Milho. “O Bripaem tem como primeiro case a Rota do Milho, porém, não será a única. Queremos abrir novas oportunidades a partir da aproximação entre os prefeitos e esse momento representa mais um passo que é firmar esse compromisso para nos irmanarmos visando que nossos interesses sejam cada vez mais pauta das políticas transfronteiras”.

O presidente da Copronar, Darci Bortoloso, apresentou a cooperativa de produção fundada há 26 anos e fez convite ao prefeito Buligon para que conheça o potencial de Naranjal, durante o Agroshow, nos dias 6,7 e 8 de março. “Vamos mostrar nosso setor produtivo e fortalecer as oportunidades de negócios”.

Representando as universidades, o diretor geral da UCEFF, Leandro Sorgato, falou dos potenciais de ensino de Chapecó e região, mencionando a força dos cursos de agronomia e veterinária e colocou as universidades à disposição para auxiliar na implantação do ensino superior em Naranjal.

Para finalizar, as representantes do Sebrae/SC Joselita Tedesco (analista técnica) e Beatriz Silveira (consultora credenciada ao Sebrae/SC) entregaram ao presidente da Copronar o material utilizado para capacitar os produtores rurais no programa Encadeamento Produtivo, desenvolvido pelo Sebrae/SC, Aurora Alimentos, entidades e cooperativas. A iniciativa tem por objetivo contribuir com a melhoria dos índices de produtividade e competitividade, promovendo a inserção de pequenos negócios em cadeias de valor de grandes empresas por meio de relacionamentos cooperativos.

A comitiva do Paraguai também cumpriu um cronograma que incluiu visita à Mercoagro no Parque de Exposições Tancredo Neves, em Chapecó (SC), além de participação em uma Sessão de Negócios do Sebrae/SC e da Acic, entre outras atividades.

Veja também

As safras e a economia31/01 O sucesso das safras agrícolas e a abundante oferta de alimentos foram determinantes para a baixa taxa de inflação que a economia brasileira registrou em 2017. Ao gerar os principais itens da alimentação humana – grãos, leite, frutas e carnes – em volume suficiente para saciar a população, o setor primário brasileiro criou......
RM exibirá máquinas para frigoríficos de aves, peixes e suínos06/05/16 No mercado desde 1987, a RM Indústria de Máquinas Frigoríficas iniciou as atividades em Chapecó (SC), trabalhando no processo de terceirização de serviços indiretos para agroindústrias. Depois de cinco......

Voltar para Notícias (pt)