NOTÍCIAS

Postado em 20 de Janeiro de 2016 às 14h30

Usinox na Mercoagro 2016

Desde 1999 no mercado, a Usinox, é uma das empresas expositoras da Mercoagro 2016, com produtos voltados para clientes da indústria alimentícia, destacando-se na automatização de processos e fabricação de equipamentos para frigoríficos. Atende no Brasil e em toda a América Latina para frigoríficos de aves, suínos, peixes, bovinos, além de fábricas de lingüiças, pão-de-queijo, polentinha, mandioca e produtos IQF. 

Para o mercado alimentício, oferece embaladoras verticais para pacotes de 200 gramas a 10 kg além de uma grande variedade de projetos para automatização de processos de embalagem. Para o mercado de carne, se destacam a embaladora EPUPA-5000 para cortes, linguiças e a embaladora de peito desfiado.

Presente desde a primeira edição da Mercoagro trará à feira inovação em embaladoras para pacotes de produtos com maior valor agregado. Com o evento, a marca vê a oportunidade de receber os clientes em “casa”, na cidade onde a empresa está instalada, demonstrando equipamentos e a estrutura disponível na fábrica e, dessa forma, fortalecendo ainda mais a relação de confiança e parceria para nos negócios.


Contato comercial:
Alexandre Anhalt - Diretor Comercial
Usinox Centro de Usinagem Industrial Ltda - Chapecó - SC - Brasil
skype: alexandre_anhalt
Tel: +55 (49) 2049-1100
Cel: +55 (49) 8437-9250
Email: alexandre@usinox.com.br
Site: www.usinox.com.br

A Feira Internacional de Negócios, Processamento e Industrialização da Carne (MERCOAGRO), acontecerá de 13 a 16 de setembro no Parque de Exposições Tancredo Neves, em Chapecó (SC), sob organização da Associação Comercial e Industrial (ACIC) e apoio da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). 

Veja também

SC registra faturamento 14,97% maior na exportação de carne suína13/12/17 Em onze meses, Santa Catarina embarcou 253,8 mil toneladas de carne suína para países como Rússia, Hong Kong, China, Chile e Cingapura. E, mesmo com uma quantidade 0,24% menor do que no mesmo período de 2016, o setor não sofreu prejuízos financeiros. Pelo contrário, o faturamento com as vendas foi 14,97% maior, ficando em torno de US$ 590 milhões. Os......
Coreia do Sul decide comprar carne suína de Santa Catarina13/07/16 A decisão de a Coreia do Sul de comprar carne suína catarinense já está tomada, de acordo com a Agência de Quarentena Animal e Vegetal (QIA) e o Ministério da Agricultura coreano, restando apenas algumas etapas finais......
Embargo russo pode estar próximo do fim27/07 Em um grupo de WhatsApp formado por representantes do setor agrícola, o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Blairo Maggi, revelou que a reabertura do mercado russo às carnes bovina e suína do Brasil deve......

Voltar para Notícias (pt)