Notícias

Exportação de carne bovina cresce 45,5% em receita

Exportação de carne bovina cresce 45,5% em receita
05/Agosto/2022
Compartilhar:

Em resumo, as exportações brasileiras de carne bovina apresentaram crescimento de 45,5% em receita no acumulado dos sete primeiros meses de 2022 em comparação com o mesmo período de 2021, como aponta levantamento realizado pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex) e divulgados pela Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (ABIEC).

De acordo com a Secex, janeiro a julho desse ano, o faturamento com as vendas chegou a US$ 7,409 bilhões, ante US$ 5,092 bilhões obtidos no mesmo período do ano anterior. Em volume, o aumento foi de 17,7%, passando de 1,064 milhão de toneladas em 2021 para 1,253 milhão de toneladas até julho desse ano. No mesmo período, o preço médio da proteína cresceu 23,7%, passando de US$ 4,8 mil a tonelada para US$ 5,9 mil por tonelada.

“Esses dados são resultado do trabalho intenso que temos feito para abertura de novos mercados e ampliação da presença nos países onde já atuamos, destacando sempre o papel do Brasil como parceiro comercial das nações e não como concorrente”, explica o presidente da ABIEC, Antônio Jorge Camardelli.

Na somativa de todos os meses mencionados, o Brasil exportou carne bovina para 159 países, com destaque para a China e os Estados Unidos. O primeiro, com US$ 4,4 bilhões, alta de 78,6% ante US$ 2,5 bilhões registrados no mesmo período de 2021. O volume cresceu 32,6% e ficou em 650,1 mil toneladas ante 490,2 mil toneladas.

Já o segundo, com US$ 591,2 milhões, alta de 49,2% ante US$ 396,4 milhões. A alta no volume foi de 59,7%, com 84,8 mil toneladas ante 53,1 mil toneladas.

Fonte: Embrapa, adaptado pela equipe feed&food

APP Mercoagro

Baixe nosso App
e acompanhe a
Mercoagro na
palma da mão

App Mercoagro - Google playApp Mercoagro - App Store