Notícias

Pif Paf espera alta de 15% nas vendas em dezembro

Pif Paf espera alta de 15% nas vendas em dezembro
20/Dezembro/2019
Compartilhar:

A Pif Paf Alimentos, processadora de carnes mineira, espera um aumento de 15% nas vendas em dezembro com o lançamento de uma promoção especial de Natal, informou a companhia em comunicado na quinta-feira (19).

A empresa lançou neste mês a campanha “Experimente a Sorte”, na qual consumidores poderão ganhar prêmios na compra de no mínimo R$ 20 em produtos como cortes suínos resfriados, lasanhas, pizzas e pão de queijo.

“Queremos valorizar nossos cortes suínos resfriados, nessa época de festas, e reforçar a presença dos produtos participantes nos pontos de venda e, principalmente, na mente e na mesa dos consumidores”, disse o gerente de Trade Marketing da empresa, Alysson Miranda.

Até o dia 31 de dezembro, a empresa distribuirá 500 prêmios instantâneos, no valor de R$ 200 cada. Três carros Toyota Yaris serão sorteados em janeiro.

O consumo doméstico de produtos e cortes de carne suína tradicionalmente aumenta na época das festas de fim de ano, quando a indústria processadora costuma lançar promoções para incentivar o consumo.

Com o forte aumento no preço da carne bovina neste fim de ano, a indústria de carne suína também está buscando impulsionar as vendas dando destaque à vantagem de custo da carne suína frente à bovina.

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), que representa os processadores brasileiros de carnes suína e de frango, anunciou nesta semana o lançamento de uma campanha que busca incentivar o consumo de cortes suínos e de frango em churrascos.

A demanda doméstica por carne suína brasileira já registra aumento neste dezembro, em relação a meses anteriores, segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

“As exportações aquecidas se aliaram ao incremento na procura doméstica, por conta das festas de fim de ano, o que mantém os preços do animal em alta”, disse o Cepea em nota na quinta-feira.

O preço da carcaça suína especial medido pelo Cepea sobe 9,74% em dezembro, até o dia 18, a R$ 9,80 por quilo.

As vendas externas de carne suína estão crescendo impactadas pelos casos de peste suína africana que afetam diversos países, principalmente o maior produtor de carne suína do mundo, a China.

Fonte: CarneTec

Termos de Uso e Aviso de Cookies

Cookies: a Mercoagro salva estatísticas de visitas para melhorar sua experiência de navegação, obtenha mais informações em nossa Política de Privacidade


Realização:

ACIC Chapecó

Comercialização:

Enterprise

Parceira:

Prefeitura de Chapecó