Notícias

Frango vivo fecha 1ª quinzena de junho com nova alta de preço

Frango vivo fecha 1ª quinzena de junho com nova alta de preço
16/Junho/2020
Compartilhar:

Ontem (15), início de semana e fim de quinzena, o frango vivo disponibilizado no interior paulista experimentou demanda ainda mais firme que nas duas semanas iniciais do mês. Como resultado, encontrou condições para obter mais um ajuste de cinco centavos, o quinto de junho, sendo comercializado por R$3,55/kg. Minas Gerais acompanhou na mesma medida.

Embora fosse visível que, passado o período de vendas mais intensivas do mês, o mercado permaneceria firme, a alta de ontem foi, até certo ponto, inusitada. Primeiro, por ocorrer numa segunda-feira, dia da semana de poucos negócios (em geral, os abatedouros só saem às compras na terça, após avaliação do fim de semana do abatido). Segundo, por ser registrada no último dia da primeira quinzena, época em que, normalmente, as vendas refluem e, com elas, os preços obtidos.

Tal comportamento apenas reforça a constatação de que a oferta, como vinha sendo previsto, se encontra bem mais limitada, podendo até proporcionar novos reajustes no restante do mês, situação que pode alcançar até mesmo o frango abatido, independente até das demandas transitórias de reposição de estoques.

Mas, no tocante ao frango vivo, o interessante é que nas duas praças os resultados atuais apresentam variação positiva em relação a períodos anteriores – algo que, neste ano, só havia ocorrido por curtíssimo período, em fevereiro passado.

Assim, em um mês a valorização obtida pela ave viva ultrapassa os 18%, enquanto em termos anuais o ganho (?) fica próximo de 4,5%. Já em relação aos preços iniciais de 2020 São Paulo registra variação de, praticamente, 11%, enquanto em Minas ela fica em 1,4%.

Tirante essa diferença, São Paulo e Minas voltam a se aproximar do valor máximo já alcançado: R$3,60/kg - que os paulistas viram pela última vez um ano atrás, na primeira quinzena de junho de 2019, e que os mineiros experimentaram mais recentemente, ainda que por pouquíssimos dias, em fevereiro deste ano. Agora, porém, essa marca tende a ser superada.



Fonte: AviSite

Termos de Uso e Aviso de Cookies

Cookies: a Mercoagro salva estatísticas de visitas para melhorar sua experiência de navegação, obtenha mais informações em nossa Política de Privacidade


Realização:

ACIC Chapecó

Comercialização:

Enterprise

Parceira:

Prefeitura de Chapecó